Idioma: Portugues BR Language: English | data@data.com.br | +55 31 3577 0404
Início » Destaques » A Era das Organizações Exponenciais

Notícias

Em 22/06/2018

A Era das Organizações Exponenciais

Money

É cada vez mais frequente o debate em fóruns e congressos sobre a importância da inovação para o crescimento das empresas. Nenhuma empresa conseguirá crescer de forma sustentável se não estiverem dispostas a investir no novo.

As empresas exponenciais estão cada vez mais rápidas, contam com pessoas extremamente criativas e capazes de se reinventar. São companhias baseadas em tecnologia da informação e que usam dados disponíveis no mercado como vantagem competitiva, além de serem mais flexíveis e velozes.

Yuri Van Geest e Salim Ismail, autores do Best-Seller – “Organizações Exponenciais”, defendem que ao invés de usar exércitos de colaboradores ou grandes instalações físicas, as Organizações Exponenciais (ExOs) são construídas com base nas tecnologias da informação, que descentralizam o que antes era físico e o transferem para o mundo digital. Para eles, quando você muda para um ambiente baseado em informação, o ritmo de desenvolvimento entra em uma trajetória de crescimento exponencial e a relação preço/desempenho dobra a cada um ou dois anos.

A cultura exponencial

Ao contrário de como funciona a gestão na maioria das organizações lineares hoje, para conseguir alavancar o crescimento, os líderes de equipes precisam dar mais autonomia para o seu time. Descentralização e autonomia são pré-requisitos para inovação, uma vez que permitem respostas rápidas através de maior adaptabilidade e flexibilidade na tomada de decisão.

É preciso criar o que os autores chamam no livro de MTP (proposito transformador massivo), unindo as equipes de colaboradores em torno de um mesmo objetivo, e os capacitando para que sejam cada vez mais inovadores. Além de unir o time para um mesmo objetivo, o MTP tem um valor ainda maior: uma causa grande e aspiracional tem o poder de inspirar e engajar. O MTP é o primeiro facilitador do crescimento exponencial.

Essa transformação requer uma mudança de mindset para uma cultura de coaching, na qual dar a resposta correta pode não ser o melhor caminho, mas sim, fazer as perguntas certas.

Segundo Salim Ismail, nos próximos 6 anos serão três bilhões de novas mentes que se juntarão à economia e isso é relevante por dois principais motivos.

O primeiro é que serão três bilhões de novos consumidores que representam dezenas de trilhões de dólares para a economia mundial.

O segundo é que esse grupo será uma nova classe de profissionais empreendedores com a geração mais recente de tecnologias distribuídas. Esse ambiente está mudando completamente o ritmo na inovação e suas consequências em organizações tradicionais.

Em meio à toda transformação explicada pelos autores do livro Organizações Exponenciais, as empresas terão que passar pelo processo de adaptação à nova realidade que chega mais rápido do que nunca e que será muito mais agressiva do que qualquer previsão.

A mudança já começou a acontecer em um grau que ainda permite ao modelo tradicional continuar prosperando. Porém, novas iniciativas vem ganhando fôlego e espaço mundo a fora.

Líderes exponenciais abraçam mudanças e também abraçam o maior desafio de todos: mudar a si mesmo.

Fonte: https://exame.abril.com.br

https://blog.mastertech.tech

https://www.amcham.com.br